Sokolova volta atrás e diz que não vai jogar as Olimpíadas no Rio em 2016

A decisão não agradou aos fãs e a Federação Russa, que continuará em negociação com a atleta

Após o anuncio de sua aposentadoria depois do terceiro lugar na Copa da Rússia -2015/16, atuando pelo Dínamo Krasnodar, a bicampeã mundial e duas vezes vice-campeã olímpica, Lyubov Sokolova, comunicou que não irá jogar as Olimpíadas no Rio em 2016. A ponteira alegou cansaço e sérios problemas de saúde.

Foto: FIVB

A Federação Russa de Voleibol já se pronunciou e disse que não vai desistir de levar a jogadora para os Jogos Olímpicos. Para eles, Sokolova tem chances de tratamento e poderá retornar para encerrar a carreira apenas ao fim do ciclo olímpico. Logo, afirmaram também que irão continuar mantendo contato com a jogadora e negociando sua possível volta, oferecendo toda assistência médica necessitada por ela.

 Foto: FIVB

"Lyubov Sokolova recusou-se a jogar pela seleção russa nas Olimpíadas, mas vamos continuar a negociar com ela em uma esperança de que ela vai mudar de ideia no último minuto. Ela tem graves problemas de saúde, e assim ela não poderia jogar talvez no momento. Sokolova vai agora fazer uma pausa e receber tratamento médico antes de voltar a este assunto com a gente. Ela passou por um exame médico para a equipe nacional, mas ainda está em contato com a comissão técnica da seleção russa" - Fadeev disse em entrevista ao Rússia Volley.  

 Foto: FIVB

Assim, tanto Sokolova quanto Gamova estão incluídas na grande lista da equipe nacional que segue em preparação para os Jogos Olímpicos.

 Foto: FIVB

Sokolova tem 38 anos de idade e atuou em grande parte da carreira em equipes russas. Dos inúmeros títulos conquistados, destacam-se o bicampeonato mundial e os dois vice-campeonatos nos Jogos Olímpicos em 2000 e em 2004 pela seleção russa.

 Foto: CEV
Compartilhe no Google+

About Juliana Amaral

Brasileira e alagoana. Proprietária e Redatora da United for Volley, estudante de Jornalismo e Design Gráfico, jogadora de voleibol e amante de música pop.

0 comentários:

Postar um comentário